Afiadas

Cinco amigas cheias de criatividade e pontos de vista diferentes.

8 Coisas que Não se Fala para Quem Ama Cachorro (e as respostas que você irá ouvir se ousar falar…)

dog come over

  1. Por que você achou Marley e Eu um filme triste? O cachorro apenas morre de velhice!

 

Saudações para seu avós e pais que um neto e filho tão insensível e ingrato. Quando eles estiverem na UTI em seus últimos dias – mas bem velhinhos, não se preocupe! – pelo visto você não vai sofrer. E, sim, é a mesma coisa. Cachorro faz parte da família. É triste perder alguém da família mesmo quando esse membro é idoso.

***

  1. Você perdeu seu cachorro? É só comprar outro, gente! Quer que eu compre para você?

Não, obrigada. Mas seria ótimo se você pudesse comprar um cérebro novo, já que sua mãe parece ter derrubado você no chão quando você era apenas um bebê. Os danos foram permanentes, né? Cachorro não é objeto. Não se repõe filho, tio, tia, irmão, irmã, avó ou avô e, acredite, não se repõe um cachorro. Você pode ter vários, mas um não substitui o outro, assim como ter vários filhos não torna a eventual perda de um deles mais fácil tendo outro depois.

***

  1. Você sabe que seu cachorro não é filho, né?

E você sabe que você é um filho da…, né? Meu cachorro é filho se eu decido que ele é. Quem sabe a relação que tem com qualquer ser são as partes envolvidas e não você, com seu cérebro de mingau. Eu, por exemplo, acho que você não deveria contar como ser humano, mas – olha como são as coisas! – o censo discorda de mim.

***

  1. Tá na hora de você ter um filho de verdade!

 

Está na hora de você fazer uma plástica para ter um rosto de verdade! Seu nariz torto está me incomodando porque eu não sei para que lado você está olhando. Me confunde. Faz favor?

***

 

  1. Você deixa seu cachorro dormir na cama com você? Mas cachorro é sujo!

Sujo é você. Estou aqui conversando com você há cinco minutos e parece que o ar foi invadido pelo mostro do mau hálito. Vê se compra uma escova de dentes. Meu cachorro é limpíssimo! Já você…

***

  1. Você deixa seu cachorro brincar com seu filho? Cuidado, viu, a gente nunca sabe com bicho, ele pode morder a criança!

Presta atenção, besta quadrada: eu já tive uma dúzia de cachorros, sendo 4 deles durante a fase que eu era bebê e criança. Eram cachorros grandes – filas brasileiro, rotweiller, pastor belga – e eles cuidavam de mim super bem. Nunca nenhum deles sequer rosnou para mim. Mas eu já tive babá que já me machucou e minha mãe nunca ficou sabendo. Jura que você acha que o perigo está no cachorro? Cachorro é um ser que anda em matilha e eles cuidam dos membros da sua família. Quem machuca o próprio filho ou outras crianças a troco de nada são alguns seres humanos.

***

  1. Ah, mas eu conheço cachorro que já mordeu criança!

Sim, e eu conheço criança que já mordeu outras crianças. Você vai proibir seu filho de conviver com outros pequenos da mesma idade por causa disso? Acidentes acontecem e esse cachorro que mordeu essa criança que você conhece não era cachorro da própria criança, era estranho. E aposto que essa criança fez alguma coisa para provocar, mesmo que sem intenção…

 

***

  1. Se o seu cachorro te dá muito trabalho, por que você não doa ele?

 

Não se doa membro da família. Se você doaria seu pai, sua mãe, seu filho ou seu avô, então, meu amigo, deixe eu ser a primeira a te dizer que eles seriam mesmo sortudos de não ter mais alguém como você nas vidas deles.

Escrito e publicado por Fernanda Cecília

***Se você possui os direitos autorais sobre qualquer imagem e deseja que elas sejam removidas deste blog, por favor entre em contato.***

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado em 26 de novembro de 2014 por em Cruz Credo.
%d blogueiros gostam disto: