Afiadas

Cinco amigas cheias de criatividade e pontos de vista diferentes.

Achou, Leo?

formmula do amor Tem uma música do Leo Jaime e do Leoni cujo refrão é o seguinte: “Ainda encontro a fórmula do amor”. A letra é um gracinha, fala de um rapaz que tenta por em prática todos os trejeitos e charmes que o levariam a conquistar uma mulher. Mas, como já deu para perceber, ele é malsucedido no propósito dele. Ao ouvir a música ou ler seus versinhos, parece óbvio que aquela estratégia não vai funcionar, que não existe uma “fórmula” para conseguirmos o amor de nossas vidas. Então, por que, em pleno século XXI, tem tanta mulher querendo receita para achar a cara-metade? O post da Didi Vasconcelos exemplifica bem a que estou me referindo. É só uma mulher sair de um relacionamento  que ela começa a tomar uma série de medidas para achar um outro alguém. E olha que as tarefas não são sempre fáceis. Em um término tranqüilo, de um relacionamento mais curto, provavelmente, ela passará por alguma mudança capilar, entrará numa dieta e irá explorar alguma virtude supostamente apreciada pelo público masculino, o que vai de aulas de culinária a cursos de somelier. Se o término for mais dramático ou de um relacionamento mais longo, há grandes chances de incluirmos uma plástica, uma viagem e até mudança de religião. Enfim, muitas mulheres acreditam que se conseguirem reunir determinadas características, bingo! Casamento na certa! Elas realmente acreditam que existe uma fórmula do amor perdida por aí. Então, aqui, vai a bomba: NÃO EXISTE RECEITA PARA ACHAR O AMOR! Não adianta você esmiuçar todos os relacionamentos à sua volta. Tudo o que você vai descobrir são histórias diferentes entre si e únicas. Alguns falarão que sonhavam há muito tempo em achar alguém, outros dirão que queriam ficar sozinhos quando foram fechados pelo cupido. Uns se conheceram através de amigos, outros, na academia, outros, nas férias, e por aí vai… Tentar preencher um checklist não vai te trazer um marido, mas pode trazer muita infelicidade. Tentar ser quem não somos pode ser extremamente frustrante, pois não há nada mais confortável que a nossa própria pele e a nossa própria personalidade. Acredite: existem homens que não se importam se você sabe cozinhar, outros que acham um charme curvas, outros que gostam de loiras, outros que gostam de morenas. A verdade é que tem homem à beça no mundo, muito mais do que você imagina. Mas, se você estiver se esforçando para ser quem não é, talvez não perceba isso. Mas tem também o outro lado da moeda. Será que você não criou para si mesma uma fórmula do amor? Como disse, candidato a marido tem aos baldes, mas esse ser imaginário que existe na sua cabeça deve estar cavalgando num unicórnio em Saturno, né? Será que você não está a procura de um “chef sarado pós-doutor somelier poliglota”? Se você tiver uma lista de características a ser preenchida pode estar perdendo uma grande chance de conhecer alguém muito legal que vai ser super tolerante com sua inaptidão culinária, mas que tem uma barriguinha charmosa e só bebe cerveja. Ou que é sarado, mas não come carne. Enfim, não existe uma fórmula do amor, nem para você preencher, nem para você criar… Duvida? Então pergunta para o Leo se ele já achou! Escrito e publicado por Letícia ***Se você possui os direitos autorais sobre qualquer imagem e deseja que elas sejam removidas deste blog, por favor entre em contato.***

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado em 20 de setembro de 2014 por em Ponto de Vista.
%d blogueiros gostam disto: